DTM e Botox

Botox ajuda a tratar a disfunção temporomandibular (DTM)?

Confira nesse post todos os detalhes importantes do uso do Botox na disfunção temporomandibular (DTM).

O que é a disfunção temporomandibular (DTM)?

 A DTM (disfunção temporomandibular) é um termo genérico que compreende uma série de condições que acometem a articulação temporomandibular (ATM), musculatura da mastigação e estruturas associadas.

A DTM se manifesta por dores na face, barulho ao abrir e fechar a boca, travamentos da boca aberta ou fechada, dores de cabeça, dores cervicais, entre outros.

Botox – toxina botulínica 

O Botox  é uma toxina biológica que age paralisando os músculos esqueléticos da região em que foi aplicado e deixa o tecido relaxado. Ela pode ser utilizada no tratamento de diversas doenças e pode ajudar a tratar os sintomas da DTM. O Botox tem sido utilizado para ajudar a tratar os seguintes sintomas de distúrbio da ATM:

  •   Tensão da mandíbula
  •  Dores de cabeça devido ao ranger de dentes
  •   Travamento da boca 

Qual a sua eficácia?

O Botox pode ser eficaz no tratamento da DTM em algumas pessoas. No entanto, este tratamento para distúrbios da ATM é experimental. Atualmente, nem a Anvisa e nem o FDA aprovaram o Botox para uso nas desordens da ATM.

 Em relação às desordens musculares os estudos têm demonstrado resultados contraditórios. Alguns estudos evidenciaram resultados semelhantes entre a toxina botulínica e outros tratamentos como a manipulação miofascial, laserterapia, entre outros.

 Por isso, os pesquisadores ainda recomendam mais pesquisas para ajudar a entender melhor a eficácia total do tratamento com Botox para distúrbios da ATM.

Logo, os métodos conservadores devem ser considerados como a primeira linha de tratamento.

Efeitos colaterais do Botox

Os efeitos colaterais mais comuns da toxina botulínica para o tratamento da ATM são:

  • Dor de cabeça
  • Doença semelhante à gripe
  • Pálpebra caída temporariamente
  • Náuseas

Além disso, o botox também pode causar um sorriso “fixo” que pode durar de seis a oito semanas. 

 Existem também outros efeitos colaterais relatados relacionados à injeção de Botox. Eles geralmente aparecem na primeira semana de tratamento e incluem:

  • Dor
  • Vermelhidão no local da injeção
  • Hematoma no local da injeção
  • Fraqueza muscular

Como é o procedimento?

 O tratamento com Botox para o distúrbio da ATM é um procedimento realizado em consultório. Cada sessão de tratamento normalmente leva de 10 a 30 minutos. 

 Seu dentista irá injetar nos músculos da face que estão acometidos. Seu dentista decidirá o número de injeções de Botox de que você precisa. A injeção pode causar dor, semelhante a uma picada de inseto ou picada.

 Embora alguma melhora possa ser sentida dentro de um ou dois dias de tratamento, geralmente leva vários dias para sentir alívio. Pessoas que fizeram tratamento com toxina botulínica para DTM podem esperar retornar às suas atividades normais assim que saírem do consultório odontológico.

Qual o custo do tratamento com Botox?

 O custo do tratamento com Botox para DTM pode variar. Suas necessidades de tratamento, o número de injeções de Botox e a gravidade dos sintomas determinarão quanto você gasta no procedimento. A região aonde você recebe a aplicação do Botox também afetará o custo. 

Outras opções de tratamento para DTM 

As injeções de Botox não são o único tratamento para a DTM. Outras opções cirúrgicas e não cirúrgicas podem aliviar seus sintomas. Os tratamentos tradicionais e alternativos para DTM incluem:

  • Medicamentos como analgésicos e anti-inflamatórios
  • Relaxantes musculares
  • Fisioterapia
  • Laserterapia
  • Talas orais ou protetores bucais
  • Cirurgia de articulação aberta para reparar ou substituir a articulação
  • Artrocentese: um procedimento minimamente invasivo que ajuda a remover resíduos e subprodutos inflamatórios
  • Cirurgia na mandíbula para tratar dor e travamento da mandíbula
  • Acupuntura
  • Técnicas de relaxamento

Uso da toxina botulínica (Botox) no Bruxismo

 O uso do Botox para controle de bruxismo também é contraditório, com indicações bastante restritas e com riscos biológicos importantes. E ainda, o tratamento não dispensa o uso dos dispositivos interoclusais (placas oclusais de acrílico) na proteção dos dentes, restaurações e próteses, nem da terapia cognitivo comportamental para o bruxismo em vigília.

Converse com seu dentista especialista em DTM e Bruxismo sobre todas as opções de tratamento. Você pode se beneficiar do uso de uma combinação de tratamentos para alívio completo dos sintomas.

Odontologia – Curitiba

A Dra. Camila é especialista nessa área há mais de 13 anos e tem grande experiência nesse tipo de tratamento. Se você apresenta um ou mais sinais e/ou sintomas de DTM entre em contato e agende uma consulta pelo WhatsApp 41 99782-8133